Nosso site utiliza cookies para melhorar a navegação do usuário. Os cookies são pequenos arquivos de páginas que você visita e que ficam salvos no seu computador. Clicando em "Eu Aceito!", você concorda com esse armazenamento no seu dispositivo e nossa Política de Privacidade.
Receba novidades do blog Mundo do Aço!

Mundo do Aço

Contratos futuros de vergalhão têm a sexta alta consecutiva na China crédito: Washington Alves/Light Press

Os futuros de referência do minério de ferro na Ásia subiram nesta terça-feira, em meio a uma sólida demanda e a preços em alta no aço, enquanto dados mostrando um forte crescimento nos lucros de empresas industriais chinesas aumentou ajudaram no sentimento positivo que alimentava o rali.

O contrato do minério de ferro para setembro na bolsa de commodities de Dalian encerrou o pregão diurno com alta de 1,9%, a 1.158,50 iuanes (178,64 dólares) por tonelada, alcançando um ganho acumulado no ano de 33,5%.

Na bolsa de Cingapura, o minério de ferro para maio avançava cerca de 1,4%, para 190,10 dólares por tonelada, após ter chegado a tocar 192,25 dólares.

Os futuros do aço na China também ampliaram ganhos, com o vergalhão de aço fechando a sexta sessão consecutiva de alta ao acompanhar a tendência do mercado físico.

Os futuros do vergalhão na bolsa de Xangai encerraram em alta de 0,5%.

O sentimento do mercado foi impulsionado após dados mostrarem que os lucros de firmas industriais na China saltaram 92,3% em março frente ao mesmo período do ano passado.

No mercado spot, o minério de ferro avançou para máximas da década à medida que se aproxima do feriado de Dia do Trabalho na China, em 1° de maio, cotações impulsionadas pela demanda do aço na China e pela oferta limitada de minério de alta qualidade. 

Segundo a publicação especializada “Fastmarkets MB”, a tonelada de minério com teor de 62% de ferro avançou 3,9% ou US$ 7,33, atingindo o preço de US$ 193,58 por tonelada, o maior preço desde maio de 2008, quando tem início a série histórica.

A publicação também informou que uma carga de finos de minério com 62% de ferro e baixo teor de alumina originada no Brasil foi negociada ao preço recorde de US$ 194,40 por tonelada no porto chinês de Qingdao.

Assim, os preços do minério em Qingdao acumulam ganhos de 17,2% em abril e de 20,6% em 2021.

A alta impacta empresas brasileiras como Vale, Usiminas e Gerdau.

Comente aqui
O seu endereço de e-mail não será exibido no comentário
Campos obrigatórios estão indicados com ( * )
Ainda restam caracteres.
Seu comentário está aguardando aprovação.
Obrigado pelo seu comentário!

ferrominas@ferrominas.com.br

Rua Virgínia Brandão 157 - Santa Luzia
Centro, Ubá - MG, 36506-006