Nosso site utiliza cookies para melhorar a navegação do usuário. Os cookies são pequenos arquivos de páginas que você visita e que ficam salvos no seu computador. Clicando em "Eu Aceito!", você concorda com esse armazenamento no seu dispositivo e nossa Política de Privacidade.
Receba novidades do blog Mundo do Aço!

Mundo do Aço

Escassez de matéria-prima: o que fazer para reduzir prejuízos crédito: Washington Alves/Light Press

Diante da situação de escassez e consequente reajuste nos preços de matérias-primas como o aço, PVC, chips, entre outros materiais, preparamos dicas importantes para ajudar o seu negocio nesse momento difícil. O consultor de empresas Elber Mazaro é autor de um artigo sobre o assunto. Ele diz que, se a empresa já adota gestão estratégica, está um passo à frente dos que não adotam. Veja o que Mazaro orienta:

Controle o fluxo de caixa

A má gestão do fluxo de caixa é uma das principais razões de quebra ou falência de empresas.

Quando o fornecedor altera os prazos, os preços e outras condições para a compra de matéria-prima, é fundamental calcular com cuidado o impacto destas mudanças no fluxo de caixa.

Durante crises, pode ser necessário financiamento externo para que o empreendedor possa equilibrar posições de estoque e organizar o fluxo de caixa.

Revise os custos

Se um ou vários fornecedores aumentam os seus preços, é hora de revisar todos os elementos de custo do negócio (aluguel, folha de pagamento etc), dos maiores para os menores contribuintes, buscando possibilidades de negociação e redução, mesmo que por um prazo curto.

Cadeia de valor

É muito importante gerenciar o relacionamento com os fornecedores, pesquisar e desenvolver alternativas que possam ser utilizadas em situações adversas.

Use a globalização a seu favor

Considerando que estamos em um mercado global, então, pode ser que um novo fornecedor que possa te atender, esteja do outro lado do mundo, por exemplo na China ou na Índia. Portanto, a prospecção deve ser constante, mesmo sabendo que o ideal é se estabelecer um relacionamento de parceira de médio ou longo prazo.

Repasse do aumento de custo

Após um grande aumento de custo da matéria-prima, deve-se aumentar na mesma proporção o preço para seus clientes?

Caso a lição de casa esteja feita pelo empreendedor, na área de estratégia de precificação e criação de valor, haverá uma margem para ser trabalhada, eventualmente pode se reduzir o lucro por algum tempo, para não ser necessário repassar o aumento de maneira integral para o cliente e correr o risco de perder muitas vendas.

Comunicação com o cliente

O posicionamento e a mensagem precisarão ser ajustados a essa situação que gerou o novo preço no mercado.

É um momento de se comunicar com novos clientes e considerar novos mercados e canais para serem explorados, em que os novos preços podem ser menos impactantes.

Empreendedorismo

A situação pode ser a oportunidade para revisão e alguma inovação, desde a troca nos fornecedores ao lançamento de novos produtos com outras matérias-primas, apelando para novas tendências, como preservação do meio ambiente (produtos certificados ou reciclados) ou com um valor social.

Novos processos podem ser considerados, assim como novos canais e maneiras para se vender e comunicar, até para novos clientes ou segmentos.

"A melhor maneira é buscar esta capacitação continuamente, ter humildade para pedir ajuda quando necessário, e encarar esta situação, inicialmente desagradável e indesejada, como uma oportunidade, para uma mudança que traga impactos e resultados positivos”.

Comente aqui
O seu endereço de e-mail não será exibido no comentário
Campos obrigatórios estão indicados com ( * )
Ainda restam caracteres.
Seu comentário está aguardando aprovação.
Obrigado pelo seu comentário!

ferrominas@ferrominas.com.br

Rua Virgínia Brandão 157 - Santa Luzia
Centro, Ubá - MG, 36506-006